segunda-feira, 27 de maio de 2013

Barra da Tijuca e Alguns dos Atrativos do Bairro

A Barra da Tijuca, conhecida popularmente como Barra, é um bairro nobre na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro, no Brasil. Faz parte também da área da Região Administrativa da Barra da Tijuca, que embora tenha o mesmo nome inclui outros bairros. Tem, como bairros vizinhos, JoáSão ConradoItanhangáJacarepaguáCamorim, e Recreio dos Bandeirantes.

Barra.Vista1.jpg

É um dos bairros que mais cresceram no Rio de Janeiro nos últimos tempos (de área praticamente desabitada na década de 1960, passou para 24.126 habitantes em 1980, 63.492 habitantes em 1991, 92.233 habitantes em 2000, e para 135.924 habitantes em 2010) e, atualmente, é considerado um centro gastronômico e de entretenimento da capital. Tem sido alvo da migração de outros bairros cariocas, principalmente da zona sul. Estima-se que a população da Barra irá dobrar até 2020.

A Barra também é caracterizada pelo seu alto Índice de Desenvolvimento Humano ao abrigar a maior parte da classe alta do Rio de Janeiro. O bairro ainda pode ser caracterizado por amplos espaços verdes, belos jardins, diversos condomínios de alto luxo de casas e edifícios, grandes shoppings. É a sede de grandes empresas de informática, comunicação e agências de publicidade, além de inúmeras multinacionais que cada vez mais estão implantando suas sedes aqui como a Shell Brasil, Esso Brasil, Vale do Rio Doce, Vivo, Michelin,Nokia, TIM, Unimed entre outras.

O bairro da Barra é um dos únicos bairros cariocas que possuem condomínios autônomos, ou seja, condomínios independentes com mini-shoppings, escolas, igrejas e uma infraestrutura completa de lazer. Além disso, o bairro é exemplo em relação a sustentabilidade. Grande parte dos edifícios da Barra são ecologicamente corretos. A Barra da Tijuca tem a maior concentração de Shoppings Centers e supermercados do Rio de Janeiro.

A Barra será casa da maior parte dos Jogos Olímpicos de Verão de 2016. A vila olímpica dos atletas está instalada na Barra da Tijuca, enquanto que a maioria das competições se concentrarão na região. A escolha da Barra para tal função se deve por ela ser a parte mais moderna do Rio de Janeiro e ter espaço suficiente para abrigar os jogos. Tal fato tem levado a um rápido crescimento em obras de infraestrutura para modernizar a região e também a ligação com o metrô para o resto da cidade do Rio de Janeiro. Fonte: WI



Bem a oeste, após percorrer a fantástica avenida Niemeyer e contemplar, à esquerda, a fabulosa vista para o mar, chega-se a uma parte ainda pouco conhecida pela grande maioria dos turistas que visitam o Rio de Janeiro. 

A Barra da Tijuca é um convite irrecusável para quem já se deliciou com a charmosa Zona Sul (Copacabana, Ipanema, Leblon e arredores), a multicultural Lapa, o requintado bairro de Santa Tereza, as quadras de escolas de samba e a saborosa Feira de São Cristóvão -sem falar no Corcovado e no Pão de Açúcar. Quando o turista pensa que terá que repetir passeios no Rio, eis que se apresenta a Barra. Durante muito tempo uma região inóspita, o local representa hoje a faceta mais moderna da Cidade Maravilhosa: uma extensa praia de água azul-caribe, prédios imponentes com generosas varandas, shoppings, restaurantes e bares descolados e moradores que se comportam como atores globais (alguns realmente são, afinal, o Projac é logo ali...).

Até a década de 1970, a região de pouco mais de 160 km² de extensão e uma costa litorânea de 27km era ocupada basicamente pela mata nativa, caiçaras e alguns sítios. A grande virada da Barra começou com a execução do Plano Piloto concebido por Lúcio Costa (o mesmo que projetou Brasília, em parceria com Oscar Niemeyer), prevendo a ocupação ordenada da região. 

A abertura de uma importante artéria viária, a Autoestrada Lagoa-Barra, facilitou a ocupação da área, que começou a receber empreendimentos de alto luxo, que apostavam no trinômio conforto-privacidade-segurança para atrair moradores para a até então quase deserta e contra mão Barra (se hoje demora-se meia hora para chegar à Zona Sul, imagine antes!). Os nomes dos primeiros condomínios fechados já antecipavam o propósito da Barra: Novo Leblon e Nova Ipanema. 

Em pouco tempo, a área foi ocupada por construções de alto padrão e gente diferenciada. Mas, para os visitantes, a Barra tem muito a oferecer, desde reservas naturais exuberantes e centros de consumo sofisticado, passando por ótimas opções de hospedagem, gastronomia e entretenimento.
"A Barra de Tijuca possui excelente infra estrutura e atrativos capazes de agradar até os mais exigentes", afirma Márcia Pessôa, gerente de Turismo e Incentivo do Rio Convention & Visitors Bureau.

Conheça alguns dos atrativos de se morar na Barra da Tijuca


Sítio Burle Marx
Os projetos paisagísticos de Roberto Burle Marx são reconhecidos não apenas pela beleza, mas também por conferir características bem brasileiras aos ambientes. Sua proposta era romper com as influências europeias (principalmente de ingleses e franceses), que concebiam projetos geométricos, e no lugar utilizar formas orgânicas e irregulares, recorrendo exclusivamente a espécies vegetais tropicais. Essa opção pelos valores locais fez com que fosse considerado o "modernista do paisagismo" -uma alusão ao movimento artístico lançado em 1922 por Mário e Oswald de Andrade, Tarsila do Amaral e Manuel Bandeira, entre outros, que defendiam os uso dos valores brasileiros nas manifestações artísticas.

Durante décadas, Burle Marx utilizou um vasto sítio na Barra de Guaratiba como um imenso laboratório a céu aberto. No local, reuniu milhares de espécies de plantas tropicais, de várias partes do mundo (Brasil, Madagascar, Nova Guiné, Nova Zelândia, Índia, Flórida). O paisagista viveu no sítio de 1973 até morrer, em 1994. Hoje aberto à visitação, o Sítio Burle Marx abriga, em uma área de 365 mil m², 3,5 mil espécies de plantas tropicais e também esculturas, a coleção de artesanato do Vale do Jequitinhonha, pinturas, desenhos e murais feitos pelo próprio Marx. As visitas, que duram 2h e são monitoradas, precisam ser agendadas, pelo telefone (21) 2410-1412. 

Sítio Burle Marx- Estrada da Barra de Guaratiba, 2019.


Bosque da Barra

Uma espécie de Parque Ibirapuera da Barra da Tijuca, o Bosque da Barra é um local bastante procurado para pessoas que buscam praticar exercícios (correndo, de bicicleta ou simplesmente caminhando) e também por famílias inteiras, principalmente nos finais de semana. Denominado Parque Arruda Câmara, o local tem 500 mil metros quadrados e conta com um lago, belas alamedas, onde é possível avistar animais silvestres, e uma área com playground. Fica aberto de terça a domingo, das 7h às 17h. 


Bosque da Barra - Avenida das Américas, 6.000 - Telefone (21) 3151-3428 


Floresta da Tijuca
D. Pedro II realmente era um homem à frente de seu tempo. Quando conceitos como ecologia e preservação ambiental nem existiam, ele determinou o reflorestamento de uma grande área, bem no meio da cidade do Rio de Janeiro. Era uma forma de compensar o desmatamento provocado pelas fazendas de café e impedir que os rios, que abasteciam a cidade, secassem. Em 13 anos, a partir de 1861, foram plantadas 100 mil mudas de árvores, a grande maioria nativas da Mata Atlântica. O resultado se vê hoje: com seus 39,5 km² (o tamanho da parte insular da cidade de Santos), a Floresta da Tijuca é a maior floresta urbana do mundo. Um local perfeito para caminhar e pedalar por suas trilhas e alamedas, conhecer animais silvestres e cachoeiras, e ter vistas privilegiadas do Rio de Janeiro, em pontos como o Mirante Excelsior, a Vista Chinesa, e a Mesa do Imperador.

Floresta da Tijuca - Estrada da Cascatinha, 850 - Alto da Boa Vista - Tel (21) 2492-2252 / 2492-2253.


Museu Casa do Pontal
O designer francês Jacques Van Beuque era um apaixonado pelo artesanato brasileiro. Em suas andanças pelo Brasil, foi colecionando esculturas produzidas por artistas locais, que retratavam o modo de vida de cada lugar. O resultado dessa paixão é um acervo com cerca de 5 mil obras, feitas por 200 artistas, de 24 estados, que hoje estão reunidas no Museu Casa do Pontal. Nas peças, diversos profissionais em ação (o dentista, a costureira, o fazedor de farinha), cenas do cotidiano (crianças na sala de aula, mulheres amamentando), casamentos, quermesses, músicos e festas populares, entre outras. São obras de artistas como Mestre Amaro Vitalino, Zé Caboclo, Ulisses Chaves, Antonio Rodrigues e Noemisa Batista. Localizado em uma reserva ecológica no bairro do Recreio, o Museu é reconhecido pela Unesco, premiado pelo Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) e já recebeu visitantes ilustres como José Saramago. 

Museu Casa do Pontal - Estrada do Pontal, 3295- Tel (21) 2490-3278/2490-4013.

Casa dos artistas

Após atuar 32 anos como corretor de seguros, Aylton de Oliveira decidiu se dedicar exclusivamente a uma antiga paixão: a gastronomia. Abriu um charmoso restaurante especializado em pescados e frutos do mar, o Skunna, que hoje tornou-se referência, sendo frequentado por várias personalidades, como o ex-jogador Zico e muitos artistas. "No dia em que a Xuxa anunciou que estava grávida, ela gravou o programa e depois veio aqui com toda a equipe comemorar", lembra. No cardápio, destaque para o Camarão à Gruyére (o prato mais pedido da casa), o Camarão ao Molho de Laranja, acompanhado de purê de batata baroa e arroz de coco e a lasanha de camarão. Antes do prato principal, a pedida é se deliciar com ceviche (filé de peixe cozido no limão, com batata doce cozida), pastéis ou risoles de camarão.

Skunna Restaurante- Estrada dos Bandeirantes, 23363- Tel. (21) 2428-1213


Lugar de cachaceiros 

A Academia da Cachaça oferece 100 das melhores cachaças produzidas no Brasil. A carta foi elaborada por "cachaceiros", entre eles a professora doutora Maria das Graças Cardoso, do Departamento de Química Orgânica da Universidade Federal de Lavras (MG). Entre as cachaças disponíveis, destaque para a Magnífica (servida geladinha, a menos de 10ºC), a Carvalheira (PE) e a Anísio Santiago (MG). A casa serve também batidas e caipirinhas irresistíveis, como a preparada com fruta do conde.

Academia da Cachaça- Condomínio Condado de Cascais- Av. Armando Lombardi, 800, lj 65L. Tel. (21) 2492-1159/2493-7956.

Garçons cantores

As bebidas chegam à mesa acompanada pela música. Mas o som não vem apenas das caixas de som do bar. Quem canta é o garçon Hugo, enquanto distribui os pedidos. Um mojito aqui, uma marguerita ali, uma caipirinha para lá... No Eclético Bar, toda a equipe de garçons é também cantora -com direito a coreografia e dança com os clientes. Além dos garçons cantores, o público se delicia com a boa gastronomia da casa e os truques do mágico Janjão.

Eclético Bar- Av. das Américas, 3434, Bl. 4, Lj 101 - Tel. (21) 2439-0190/2494-5903/7816-8465 (após 18:00h).


Estilo
Concebido inicialmente para ser um centro de compras dedicado exclusivamente para a decoração, o Shopping Rio Design Barra hoje é um dos locais mais procurados pelas pessoas com alto poder aquisitivo. Em seus 30 mil metros, estão instaladas 230 lojas de grifes badaladas. O público é pequeno (12 mil clientes por dia), mas com alto poder aquisitivo: o gasto médio por pessoa, por visita, é nada menos que R$ 2,5 mil. 

"Nosso público é extremamente qualificado, exigente e está acostumado a frequentar os melhores shoppings do mundo. Por isso, estamos sempre nos atualizando", explica a gerente de Marketing do shopping, Cecília Figueiredo. "Queremos oferecer um atendimento cinco estrelas", completa. E ela não exagera. Um dos serviços oferecidos pelo Rio Design é o personal fashion, no qual uma profissional acompanha o cliente nas compras, dando orientações. Por ser mais tranquilo que outros shoppings, é comum ver artistas globais pelos corredores e lojas.

Shopping Rio Design Barra- Av. das Américas, 7.777 - Tel (21) 3461-9999.

Biodesign

Não poderia haver lugar mais adequado para a artesã Meire Bonadio se instalar do que a Barra da Tijuca. Natural de São Bernardo do Campo, foi nesta região do Rio de Janeiro que ela conseguiu emplacar suas coleções, feitas tendo como principal matéria-prima o vistoso capim dourado, uma espécie vegetal que se encontra apenas no Parque Estadual do Jalapão, no estado de Tocantins. Os brincos, pulseiras, colares, bolsas e até mesmo vasos caíram no gosto dos exigentes consumidores da Barra e foram parar até em novelas, como “Cordel Encantado”, “Viver a vida” e “Araguaia” —nesta, aliás, Meire faz uma “ponta”, contracenando com Julia Lemmertz . 
MBEX- Av. Das Américas, 10101, sala 241 - Tel.: (21) 2498-0545.


Conforto

Entre as opções de hospedagem da região, destaca-se o Sheraton Barra, o primeiro hotel cinco estrelas a se instalar no local. Chama a atenção o fato de todos os 292 apartamentos contarem com varanda e vista para o mar. Além do padrão de qualidade internacional, o hotel oferece áreas específicas para reuniões de negócios, lounge privativo, um spa em parceria com a grife francesa L´Occitane e o versátil restaurante Terral, comandado pelo chef José Ribeiro. O hotel é bastante procurado por famílias e clientes corporativos, mas, nos finais de semana, recebe dezenas de noivas, que se preparam para a cerimônia no hotel, onde depois passam a noite de núpcias. Para a gerente-geral do Sheraton Barra, Sintia Gomes, o grande diferencial do hotel é a qualidade do atendimento. "Nossa principal preocupação é com a mão de obra, buscamos reter talentos e dar treinamento. Os profissionais são qualificados para garantir a excelência dos serviços prestados", declara.

Sheraton Barra- Av. Lúcio Costa, 3150 - Telefone: (21) 3139-8000.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua Mensagem - Se gostou Compartilhe